Clube dos Cinco (1985) | 15 curiosidades

Clube dos Cinco (1985) | 15 curiosidades

Existem muitos filmes dos anos 80 que se mantêm relevantes, mas nenhum mais do que Clube dos Cinco. Reunimos alguns fatos e curiosidades que você pode não saber sobre um dos clássicos da Sessão da Tarde.

O filme foi a estreia do diretor John Hughes em um território mais adulto quando reuniu um grupo bem diversificado: A princesinha (Molly Ringwald), o bad boy (Judd Nelson), o atleta (Emilio Estevez), o nerd (Anthony Michael Hall) e a esquisita (Ally Sheedy), simplesmente para passar um dia juntos e perceber que, apesar de seus rótulos, não eram tão diferentes assim.

Clube dos Cinco é especial por ter essa habilidade de se desconectar do tempo, resultado de um roteiro inteligente e um elenco talentoso, mas principalmente, por traduzir toda uma geração.

Dica de post: Os personagens mais famosos dos anos 80

Talvez você já tenha assistindo ao filme algumas vezes, mas não seria legal descobrir novidades? A seguir estão alguns fatos importantes sobre Clube dos Cinco que você (provavelmente) não sabia.

01 – UM SILÊNCIO ABSURDO E MUDANÇAS

Clube dos Cinco (1985) | 15 curiosidades
Emilio Estevez e Ally Sheedy em Clube dos Cinco

Allison, personagem de Ally Sheedy, tem a sua primeira fala após 33 minutos de filme. Brooke Shields, que vinha do sucesso A Lagoa Azul (1980), foi considerada para interpretar Alison. Inicialmente Emilio Estevez foi contratado para interpretar John Bender, mas como o diretor não encontrava ninguem para o papel de Andrew, acabou fazendo uma troca.

02 – CENA DELETADA

Inicialmente existia uma sequência de sonho, na qual Allison (Ally Sheedy) imagina Andrew como um Viking, Bender como um prisioneiro, Claire como uma noiva, Brian como um astronauta e ela mesma como uma vampira. Infelismente foi cortada da versão final.

03 – TOM CRUISE QUASE PARTICIPOU DO FILME

Se John Hughes não conseguisse Emilio Estevez para o papel de Andrew Clarke, pensou em nomes como Michael J. Fox, Jim Carrey, Tom Cruise, Matthew Broderick e Rob Lowe.

04 – NICOLAS CAGE COMO JOHN BENDER

Clube dos Cinco (1985) | 15 curiosidades
Anthony Michael Hall, John Hughes e Judd Nelson nos bastidores de Clube dos Cinco

Nicolas Cage inicialmente foi selecionado para o papel de John Bender, mas a produção não conseguiu bancar o salário. John Cusack também foi considerado, mas John Hughes decidiu substituí-lo por Judd Nelson.

05 – A IDEIA ERA UMA FRANQUIA

Inicialmente foram planejadas sequências (Hughes escreveu o roteiro de Clube dos Cinco em apenas 02 dias) a cada dez anos, mas a relação complicada entre o diretor John Hughes e Judd Nelson destruiu qualquer chance. Em entrevista Hughes afirmou que nunca trabalharia com Nelson novamente.

06 – FAMÍLIA NO ELENCO

As atrizes que interpretam a mãe (Mercedes Hall) e a irmã (Mary Christian) do personagem Andrew (Anthony Michael Hall) são realmente sua mãe e irmã na vida real. Aparecem logo no início do filme.

07 – MOLLY RINGWALD NÃO FOI A PRIMEIRA OPÇÃO

Claire interpretada por Molly Ringwald

Jodie Foster vinha de sucessos como Taxi Driver (1976) e Se Eu Fosse Minha Mãe (1976), foi um nome forte para interpretar Claire, mas perdeu espaço para a nova queridinha do cinema Molly Ringwald, que havia conquistado os fãs com o sucesso Gatinhas e Gatões (1984), mas inicialmente iria interpretar Allison, mas a atriz pediu para trocar de personagem.

08 – RELACIONAMENTOS FORA DAS CÂMERAS

Molly Ringwald (Claire) e Anthony Michael Hall (Brian) namoram durante um tempo após as filmagens.

09 – PARCERIA DE SUCESSO

Clube dos Cinco foi o segundo filme dirigido por John Hughes, o primeiro foi Gatinhas e Gatões (1984), bem como estrelados por Molly Ringwald e Anthony Michael Hall.

10 – A CENA CLÁSSICA SERIA APENAS COM MOLLY RINGWALD

Claire e Alisson iniciando uma das danças mais famosas do cinema

Originalmente apenas Claire deveria dançar, mas Molly Ringwald ficou envergonhada e John Hughes mandou todos o elenco acompanha-la.

11 – 100% NO PERSONAGEM

Judd Nelson (John Bender), mesmo no intervalo das gravações continuava infernizando Molly Ringwald (Claire). John Hughes quase o demitiu por isso, mas, ironicamente, Paul Gleason (o diretor) o defendeu, dizendo que ele era um bom ator e que estava tentando entrar no personagem.

12 – OUTROS TÍTULOS FORAM SUGERIDOS

Outros títulos foram sugeridos para Clube dos Cinco (The Breakfast Club) , como: “The Lunch Bunch” e “Library Revolution”.

13 – PURO IMPROVISO

No final do filme, o personagem de Judd Nelson deveria apenas caminhar em direção ao por do sol, inesperadamente a cena com o punho foi puro improviso e acabou se tornando um ícone da década de 80.

John Bender interpretado por Judd Nelson

14 – IDENTIDADE FALSA

Judd Nelson (na época com 24 anos) fingiu ser um aluno na escola local e convenceu a todos que a sua identidade era falsa.

15 – A MESMA LOCAÇÃO

Como uma série de outros filmes de Hughes, incluindo Mulher Nota 1000 (1985), Curtindo a Vida Adoidado (1986), Gatinhas e Gatões (1984), A Garota de Rosa-Shocking (1986) e Férias Frustradas (1983), o filme se passa em Shermer, Illinois, um subúrbio fictício de Chicago. A escola usada como locação (Maine North High School) foi a mesma utilizada em Curtindo a Vida Adoidado (1986).

(Fonte: IMDB)

Hugo Lamego

Publicitário - Especialista em Comunicação Empresarial | Apaixonado pelos clássicos!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *